Compreender a Casca de ovo do Crânio Regra no Texas

  • Fevereiro 13, 2020|
  • Postado por: Michael Francis|
  • Tempo de Leitura: 5 minutos
Casca de ovo de Crânio Regra no Texas

A casca de ovo do crânio regra se aplica para as vítimas de acidentes com condições médicas pré-existentes ou limitações físicas.Considera responsável a parte em falta num acidente, mesmo quando as lesões da vítima são mais significativas do que o previsto devido a uma lesão pré-existente ou a uma fragilidade particular que torna a vítima mais susceptível a danos.Embora possa parecer simples, a aplicação da Regra do crânio de casca de ovo pode tornar-se complicada. Deve falar com um advogado de danos pessoais do Texas o mais rapidamente possível para saber se a regra da casca de ovo se aplica ao seu caso.Nós tratamos de tudo o resto.Submeter o formulário abaixo para agendar uma consulta

Qual é a Regra do crânio de casca de ovo e como se aplica?

the eggshell skull rule holds the negligent party responsible for all of the victim’s damages resulting from an accident. Esta regra significa que, apesar de ter sofrido uma lesão anterior ou de estar activamente a ser tratado no momento da colisão ou da ocorrência da lesão, pode ainda ter direito a uma indemnização por qualquer grau de dano sofrido nessa ocorrência que tenha agravado a sua lesão ou condição já existente. Esta regra também inclui as circunstâncias em que os seus ferimentos são piores do que o esperado devido a uma lesão ou condição pré-existente.

A Regra do crânio de casca de ovo aplica-se mesmo quando alguém sofre lesões e danos de um evento devido a condições pré-existentes quando um indivíduo saudável envolvido nesta mesma ocorrência seria extremamente improvável de sofrer danos. A parte em falta não pode usar a lesão pré-existente da vítima como defesa para limitar a sua responsabilidade. A regra da casca de ovo obriga a parte em falta a aceitar a vítima tal como ela é. Por exemplo, um homem com uma lesão anterior na perna fere novamente a perna num acidente de carro. A lesão pós-acidente na perna da vítima é agora mais grave e requer cuidados médicos que não teriam sido necessários se não fosse para a colisão. Isto resulta em despesas médicas mais elevadas ou adicionais para tratar os seus ferimentos. O réu aqui é responsável por todos os danos adicionais da vítima, incluindo dor e sofrimento adicionais, deficiência física, perda de capacidade de ganho e despesas médicas.O propósito da doutrina da casca de ovo é compensar a vítima pelos danos sofridos em vez de permitir que a parte negligente escape da responsabilidade, argumentando que os seus danos foram maiores do que o previsto.Quais são algumas complicações em torno da regra da casca de ovo?

existem duas circunstâncias que tornam a aplicação da Regra do crânio de casca de ovo complicada: causas de intervenção e negligência comparativa. Além disso, é frequentemente necessário e por vezes difícil apresentar provas médicas sobre a extensão dos ferimentos e danos causados por um evento, particularmente quando a vítima já estava a tratar os mesmos ou semelhantes ferimentos.

causas interventivas

uma causa interventiva ou subsequente é um evento que ocorre após o ato inicial de negligência e quebra a cadeia de causação. A lei aplica a causa interventiva da mesma forma que a Regra do crânio de casca de ovo.

só poderá recuperar por danos resultantes de colisão ou acidente com um veículo a motor. Quando um acontecimento que intervenha causa uma nova lesão que agrave novamente a lesão original da vítima, pode tornar-se difícil demonstrar que danos, se houver, posteriores a esse acontecimento se relacionam de novo com a lesão que serviu de base ao seu pedido. Um juiz ou júri pode considerar que os danos foram imprevisíveis. Dependendo do seu médico, também pode ser difícil obter provas médicas ou testemunhos que estabeleçam a extensão da sua alegação. Como resultado, o réu original pode não ser responsável pelos danos adicionais da vítima. Por exemplo, uma pessoa sofre uma ligeira concussão num acidente de carro. Enquanto é transportado para o hospital em uma ambulância, a vítima sofre uma concussão mais grave quando a ambulância está envolvida em um acidente com outro motorista.

A regra da casca de ovo não se aplica aqui porque a parte em falta por causar o primeiro acidente não causou o segundo acidente. Só o segundo condutor é responsável pelas despesas médicas da vítima relacionadas com a segunda concussão.

negligência comparativa

negligência comparativa surge quando a vítima estava parcialmente em falta na causa do acidente. A percentagem de falha da vítima reduz a recuperação. Dependendo de sua porcentagem de culpa, você pode não ser capaz de recuperar o montante total de seus danos, mesmo se você é um queixoso de casca de ovo.No Texas, A Lei da negligência comparativa é chamada de responsabilidade proporcional. Se tiver 50% de culpa ou menos, a sua recuperação é reduzida pela sua percentagem de culpa. Por exemplo, se teve 40% de culpa na causa do acidente e sofreu 100 mil dólares em danos, só pode recuperar 60 mil dólares. Mas se a sua percentagem de culpa for de 51% ou mais, a Lei do Texas proíbe-o de recuperar quaisquer danos.Como É Que Estes Cenários Afectam O Meu Caso?Tanto as causas interventivas como a negligência comparativa são importantes a considerar quando se compreende a Regra do crânio de casca de ovo. Ambos podem reduzir o montante da compensação que você pode ser capaz de recuperar.Uma vez que o seu caso é único, recomenda-se que consulte um advogado de Danos Pessoais. Você pode agendar uma consulta gratuita com a empresa Francis hoje para descobrir se esses cenários poderiam complicar o seu caso e diminuir a sua compensação.Quem decide se a regra da casca de ovo se aplica ao meu caso?Advogados experientes podem explicar como é provável que a regra da casca de ovo se aplique no seu caso específico. Se os factos estão a seu favor, as companhias de seguros são susceptíveis de oferecer um acordo mais elevado.Se o seu caso for a julgamento, o juiz decidirá se a Regra do crânio de casca de ovo se aplica ao seu caso. Se a regra da casca de ovo se aplicar, o juiz irá instruir o júri a considerar o montante total dos danos que você deve ser concedido.

Médicos Especialistas

em alguns casos em que a causa de qualquer lesão pode não ser clara, a vítima pode ter o encargo de oferecer provas médicas ou testemunhos sobre a medida em que as lesões ou danos resultaram da colisão do veículo a motor ou de outro evento de lesão e não uma continuação do tratamento de uma lesão ou condição pré-existente.

é por isso que também é crítico para fins de reclamações que o médico que presta o tratamento está disposto a oferecer uma opinião médica sobre a causa dos seus ferimentos e danos. Muitos prestadores médicos na área de Dallas/Fort Worth não estão dispostos a prestar testemunho em casos de lesões pessoais e alguns tentam ativamente minimizar o Significado de um acidente ou sua relação com lesões em seus registros, em um esforço para garantir que o seu advogado não vai procurar que o médico testemunhar em seu nome.Se tiver dificuldade em encontrar um médico disposto a tratá-lo para um acidente de viação ou um caso de danos pessoais ou não acreditar que o seu médico está a fazer tudo o que é possível para o tratar e documentar os seus ferimentos e danos, ligue para a firma Francis hoje.

Obtenha ajuda com o seu caso de lesão pessoal

as alegações de lesão pessoal consistem em proteger os seus direitos e responsabilizar as partes responsáveis quando os seus actos descuidados ou intencionais lhe causam lesões e afectam negativamente a sua vida.

os advogados de lesões pessoais da empresa Francis são especialistas em leis do Texas que regem acidentes. Temos um excelente histórico de casos de lesões pessoais, tendo recuperado uma série de liquidações e sentenças de seis e sete dígitos para os nossos clientes.

adicionalmente, Michael Francis é certificado pelo Conselho de especialização jurídica do Texas.Avaliaremos o seu caso e ajudá-lo-emos a compreender a Regra do crânio de casca de ovo. Se se aplicar ao seu caso, lutaremos para lhe dar os cuidados médicos de que precisa e a compensação que merece. Contacte-nos on-line ou ligue para a nossa empresa (817) 329-9001 hoje para agendar uma consulta gratuita e completamente confidencial de lesões pessoais.

Autor da Foto

Michael Francis

Michael Francis é o sócio-fundador do Francis Firme e Flynn & Francisco, LLP e passou mais de vinte e cinco anos de litígio de ferimentos pessoais e comerciais de litígio de casos em todo o estado do Texas e em todo o país. Ele é certificado pelo Conselho de especialização Legal do Texas.Michael foca sua prática legal em casos de danos pessoais e contenciosos de negócios, com ênfase especial em caminhões, veículos automóveis e questões complexas de Contencioso comercial. Michael tem mais de vinte e cinco anos de experiência litigando casos em todo o estado do Texas, contra muitas das maiores corporações e companhias de seguros. Ele garantiu veredictos e acordos para clientes acima de $20.000.000.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.